Nossa história
    

Nossa história



O jovem de Itu Wesley Marlon Eto Willi, de 16 anos, se apresentará neste sábado, dia 1º de outubro, às 23h, no programa "Altas Horas" da Rede Globo, falando sobre o tema preconceito.

O adolescente responderá perguntas feitas pelo apresentador Serginho Groisman, pelos jovens de caravanas de diversas escolas e pelo público presente.

Também estarão presentes no programa os pais de Wesley, Claus-Peter O. Willi e Hélio Yoshinori Eto, que também responderão perguntas sobre o tema.

Sexta, 10 Novembro 2017 23:32

Reunião na escola

Estamos aqui em Berlin há oito meses. Primeiro viemos meu filho mais velho e eu e depois de três meses o mais novo e meu marido se juntaram a nós.

Podem imaginar a mudança imensa que isto significa!Transplantar raízes em todos os sentidos! A barreira do idioma, clima, cultura, escola, entre outros nos deixaram – a meu marido e eu – muito receosos sobre o acerto ou não desta mudança.

Como em tudo esta decisão foi planejada e avaliada em seus riscos, dentro da medida que se pode supor quais os desafios para todos nós e a nossa capacidade de resiliência.

Esta semana fui chamado a reunião na escola para uma conversa com a professora de meu filho mais novo. Tanto ele quanto o mais velho fazem parte do curso de Integração promovido pelo Governo alemão aos que chegam ao país sem o conhecimento do idioma e que por aqui pretendem permanecer.

Sexta, 10 Novembro 2017 23:32

Navegar é preciso!

A vida – já ouvimos e lemos por tantas vezes – não é estanque. Ela segue seu curso e cabe-nos a percepção de como participar – de forma ativa – no mesmo.

Ao iniciar estas linhas lembro-me do verso acima que exemplifica exatamente esta questão.

Precisamos navegar, descobrir, buscar rumos e alternativas! Precisamos viver na plenitude da palavra!!!

Precisamos crescer. A cada existência recebemos uma nova oportunidade!!! Uma nova chance de alcançar – utilizando-nos de nossos erros e acertos pretéritos – um degrau à mais!!! Um passo além!!!

Sexta, 10 Novembro 2017 23:30

Qual o significado de ser pai?

O Jornal Terceira Visão de Valinhos comemora o Dia dos Pais na quebra da barreira de discriminações

É na sociedade atual que se vê cada vez mais liberdade para que indivíduos se expressem com menos medo de que sejam feitas discriminações, mesmo que o preconceito esteja presente no cotidiano, inibindo traços de personalidade somente por receio de reações alheias.

Na semana do Dia dos Pais, que é representada pelo próximo domingo, dia 9, o Jornal Terceira Visão procurou dar ênfase a um dos principais focos de discursos de ódio e fóbicos, em gancho à própria data: casais homossexuais masculinos com filhos adotivos, ou seja, dois pais, ao invés de um. Este tipo de situação, que se torna cada vez mais comum, demonstra a grande difusão que há de termos como “família” ou “pai” na mentalidade contemporânea.

O professor de alemão Claus Peter O. Willi e o servidor público municipal Hélio Yoshinori Eto, que estão juntos há 25 anos e são casados desde 2012, são dois homens que são pais de duas crianças, Wesley e Fabioni, e orgulham-se de suas vidas e enfatizam grande felicidade e, como dizem, “amor incondicional” pelos filhos. Paulistas, moram em Itu há 15 anos, e afirma que suas vidas foram discretas até a adoção do primeiro filho, levando em conta as frequentes discriminações públicas pelas quais passavam, sendo considerados doentes e/ou anormais por muitos. Mesmo assim, Hélio e Claus consideram-se um casal como outro qualquer, a não ser pela questão social.

Página 1 de 2
Viver amor na família

O amor que nos une, nos torna uma família.

FAMÍLIA
Lei nº 12.010 de 2009 - Artigo 25 : "Entende-se por família extensa ou ampliada aquela que se estende para além da unidade pais e filhos ou da unidade do casal, formada por parentes próximos com os quais a criança ou adolescente convive e mantém vínculos de afinidade e afetividade." (Incluído pela Lei nº 12.010, de 2009)

“Na estação da vida fomos atraídos pelo vagão do destino que nos levou para uma maravilhosa viagem de encontro ao amor.”